PRÉDIO-PMJ-1-768x384

Prazo para produtor rural devolver blocos de notas fiscais e fazer recadastramento é prorrogado até 31 de janeiro

A Secretaria de Estado de Finanças (Sefin), prorrogou para 31 de janeiro, o prazo para que produtores rurais façam o recadastramento, e com isso, poderem emitir as notas fiscais, que agora só são válidas, eletronicamente.

A nota eletrônica para produtores rurais foi instituída pelo Governo do Estado, através do decreto 21.985, de 30 de maio de 2017.

Os produtores também precisam entregar todos os blocos de notas fiscais, inclusive as que já foram emitidas. De acordo com o Departamento de Arrecadação e Tributação (DAT), essas notas precisam ser baixadas no sistema o mais rápido possível.

Para quem ainda não fez o recadastramento e nem entregou os talões de notas, podem fazê-los na  prefeitura de Jaru, na agência da Sefin, ou na Emater do distrito de Tarilândia, para quem mora naquela região.